quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Praias para ski aquático, motonáutica e jet ski


Para quem não dispensa a adrenalina, as emoções fortes e o prazer da velocidade, mesmo no meio aquático, o Algarve tem para lhe oferecer a possibilidade de praticar ski aquático, jet ski ou de andar em motos de água, numa paisagem deslumbrante e clima perfeito. Um divertimento do qual pode retirar o prazer do contacto do vento na pele e das acrobacias praticadas, mas também o de conhecer esta costa magnífica, que tanto se apresenta repleta de grutas e rochas em tons ocres, como com areais a perder de vista de onde saltam ilhas e línguas de areia paradisíacas. E depois de cavalgar os infinitos azuis das águas do Atlântico, é bom poder descansar num porto de abrigo caloroso, aninhado nas baías, protegido por falésias ou entre os esteiros sinuosos das Rias.O Algarve é o sítio certo para viver o mar com actividades náuticas. Mas porque para as praticar é necessário ter-se autorização e equipamento próprio, aconselhamos a recorrer a uma das empresas especializadas que lhe poderão fazer um enquadramento adequado, alugar equipamento ou mesmo dar aulas.A Marina de Vilamoura, dotada de bandeira azul, galardão que obteve pela qualidade dos seus serviços, é um óptimo ponto de partida ou de chegada para quem tenha embarcação própria, mas igualmente para os que decidam recorrer aos serviços ali oferecidos.A Marina de Portimão, mesmo ao lado da Praia da Rocha, é já uma referência nas competições mundiais de motonáutica, atraindo durante o ano cada vez mais adeptos deste desporto.De porta sempre aberta para os que amam o mar, está Olhão e o seu porto. E Tavira tem nas Quatro Águas a sua porta marítima, através dos canais sinuosos da Ria Formosa, onde o mar hesita em deixar de ser oceano para se transformar em terra, desdobrando-se em canais, lagoas e esteiros, também perfeitos para a motonáutica. O porto de recreio de Vila Real de Santo António é a entrada para as águas mais calmas do Rio Guadiana, onde também vale a pena fazer uma incursão. Estradas líquidas para percorrer, ao encontro das emoções mais fortes.

Jet ski

Aqui estou eu no meu desporto preferido.

É um desporto estranho para alguns e fantástico para outros... Eu, acho-o um desporto muito louco, apaixonante mas que requer disciplina e dedicação!!!

Quando iniciámos um desporto como este é necessário ter muita força de vontade para não desistirmos logo à primeira. É como aprender a andar de bicicleta (é o que o meu pai me disse e sempre diz a quem inicia). O importante é ganhar equilíbrio, não ter medo e treinar muito para podermos conseguir o "traquejo" de um profissional.

Depois vem o melhor... muita velocidade, muita adrenalina, muitos banhos e tombos e, mais importante que tudo, muita diversão e bons momentos!

Para aqueles que ficaram mais entusiasmados, tenho uma coisa a dizer:

Experimentem!!!!